Tem um poste no meio do caminho

No poema de Carlos Drummond de Andrade, tinha uma pedra no meio do caminho. Aqui nessa avenida no Recreio dos Bandeirantes - Rio de Janeiro, é um poste que está no meio do caminho.
Parece que o poste já foi retirado, mas a imagem é muito divertida e me fez lembrar imediatamente do poema:





Veja o Poema de  Carlos Drummond de Andrade:


No Meio do Caminho


No meio do caminho tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
tinha uma pedra
no meio do caminho tinha uma pedra.

Nunca me esquecerei desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas.
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
tinha uma pedra
Tinha uma pedra no meio do caminho
no meio do caminho tinha uma pedra.


Fotos de matéria do O globo.

Veja Também:

Cinco Cúmulos da Burrice
Esse aprende rápido
Ferrari versus Fusca
Postar um comentário